Tratamentos

Uso de Repelentes


belly of pregnant woman  and moisturizing cream

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Como se proteger do Zika vírus

Desde que o Ministério da Saúde confirmou a relação entre a infecção pelo zika vírus durante a gravidez e a microcefalia no bebê, aumentou a procura por produtos que previnam contra a picada do mosquito Aedes aegypti, transmissor do vírus. A recomendação das autoridades de saúde pública é que a gestantes usem roupas compridas, meias e sapatos, além de repelentes para se proteger. Os repelentes naturais, como andiroba ou citronela, não são considerados seguros: sua evaporação é rápida e o tempo de proteção muito curto, de 10 a 20 minutos. Os repelentes industrializados fornecem uma proteção mais duradoura.

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) afirma que não há impedimento para que grávidas usem repelentes, desde que os produtos estejam registrados na Anvisa. Há três tipos de repelentes, cuja venda é autorizada no Brasil: a base de icaridina, de DEET ou de IR3535.

Tipos de repelentes:

  • Icaridina: É o mais indicado porque confere o maior tempo de proteção. Na concentração de 20 a 25% confere aproximadamente 10 horas de proteção contra os insetos. Quando aplicado sobre tecidos, dura até 72 horas.
  • DEET: É o repelente mais fácil de ser encontrado. Muito eficiente, porém sua duração depende da concentração de DEET no produto. Repelentes com concentração de DEET de 15% conferem proteção máxima de 6 horas.
  • IR3535: É indicado para crianças de 6 meses a 2 anos. Tem duração muito curta, necessitando de reaplicações a cada 2 horas, o que pode deixar a gestante desprotegida em períodos de longa exposição.

Como aplicar:

  • Não é recomendado usar o repelente por baixo das roupas, mas por cima dos tecidos e apenas na pele exposta (braços, colo, pernas, pés)
  • O repelente é o último produto a ser aplicado na pele. Primeiro usa-se hidratantes, filtros solares, maquiagem, e o repelente sempre por cima de tudo
  • Evite aplicar perto de olhos, nariz e boca. Todos os repelentes podem irritar as mucosas
  • O mosquito da Dengue/Zika tem hábitos diurnos. Durante o dia, não se deve descuidar do uso do repelente
  • O mosquito pode picar por cima de tecidos finos, como algodão, seda e meia-calça. É preciso passar repelente por cima do tecido
  • Durante a noite, o mosquito pode picar por cima do lençol e o atrito do lençol com a pele tira o repelente. O ideal é manter as janelas fechadas, manter a temperatura baixa com ar condicionado e usar inseticida. Quem não tem ar condicionado e precisa ficar com a janela aberta deve usar mosquiteiro impregnado com repelente ou inseticida
  • Os aparelhos de tomada são inseticidas e repelentes de eficácia reduzida. São indicados para ambientes entre 10 m² e 20m² e devem ser ligados com antecedência.

Fonte: Revista Época Online

 

Ligue Agora e Solicite uma Consulta:

  • (54) 3025.6706
  • (54) 3419.6708
  • (54) 9192.8750

« Voltar para Tratamentos para Grávidas