Conheça os fatores que influenciam na durabilidade do Botox

Conheça os fatores que influenciam na durabilidade do Botox

O uso da toxina botulínica, também conhecida como Botox, tem grande preferência e procura nos consultórios de dermatologia com a finalidade de corrigir a aparência de linhas de expressão, arquear sobrancelhas, elevar o canto dos lábios e a ponta do nariz, além de outros tantos benefícios.

Mas, ainda surgem muitas dúvidas e questionamentos em relação à durabilidade dos resultados após sua aplicação. Para saber mais sobre a aplicação do botox, qual sua indicação e seus benefícios, confira a seguir as 3 principais dúvidas em relação à aplicação do produto:

  • Tempo de duração do botox

A toxina botulínica tem duração esperada de 4 a 6 meses, porém, para algumas pessoas, o botox pode durar menos do que este tempo mínimo esperado, do que em outras, assim como também pode ocorrer o contrário, da toxina durar mais tempo do que os seis meses estimados pelo fabricante.

  • Tempo de espera para reaplicação

A aplicação do botox pode ser feita de 6 em 6 meses, este prazo varia conforme a necessidade de cada paciente e caberá somente ao médico avaliar cada caso individualmente.

  • Quantidade de produto injetada

A quantidade injetada do produto não interfere na duração da toxina no organismo. O que pode ocorrer é um resultado bem mais artificial ao aplicar uma quantidade superior ao necessário ou indicado pelo médico dermatologista.

 

6 Fatores Principais que interfere na duração do Botox

Além das dúvidas em relação ao produto, é comum surgirem questionamentos sobre sua durabilidade após a aplicação. Confira a seguir os 6 principais fatores que interferem diretamente na durabilidade do botox e algumas dicas para que os resultados da sua aplicação durem por mais tempo.

  • Exposição solar

Pessoas que se expõe ao sol com mais frequência ou em excesso, sofrerão uma redução natural na durabilidade do produto, já que a substância que dá origem a ele é sensível ao calor. Por isso, o indicado é evitar exposição em demasia ao sol e fazer uso de fatores protetivos, como filtro solar, chapéu, óculos e roupas com proteção UV.

  • Prática de atividade física

A prática de exercícios físicos é muito benéfica ao organismo de maneira geral, porém, ao fazer uso de botox, é preciso ter alguns cuidados para não prejudicar sua durabilidade, como evitar fazer caretas, que eventualmente, devido ao esforço físico ou cansaço, costumam surgir durante os treinos de atividade física. Isso se deve ao fato das expressões de caras e bocas contraírem a musculatura e assim, interferirem na duração reduzida do botox no organismo.

  • Expressões faciais

Assim como a expressividade que tende a ocorrer durante a prática de atividade física, pessoas muito expressivas também costumam apresentar resultados do botox reduzidos. Isso porque ao contrair de forma repetitiva a musculatura do rosto ao longo do dia, também interfere na redução do efeito da toxina. Ou seja, pessoas que não conseguem controlar essas expressões faciais, certamente terão que aplicar o botox mais vezes, em comparação à pessoas com menor expressividade facial.

  • Qualidade do Produto

A marca e a qualidade da toxina botulínica aplicada, também interferem bastante em sua durabilidade. Por isso, contar com um bom médico especialista em dermatologia é fundamental para realizar este tipo de aplicação. Tenha em mente que bons dermatologistas costumam trabalhar somente com produtos de melhor qualidade.

  • Uso de antibióticos e corticóides

Infelizmente, se você estiver fazendo uso destes medicamentos, não é um bom momento para aplicar o seu botox, porque eles podem comprometer a durabilidade da sua aplicação. O ideal é esperar seu tratamento médico ser concluído para evitar que a aplicação do botox ocorra logo antes ou logo depois do uso destes medicamentos, para não interferir em sua eficácia e durabilidade.

  • Tabagismo

Má notícia para as fumantes: o tabagismo também prejudica a durabilidade do botox. Mais um ótimo motivo para abandonar o vício do cigarro e poder usufruir dos benefícios para uma pele mais saudável.

 

5 Dicas para melhorar a duração do seu botox:

Diante de tantos benefícios proporcionados pelo botox, o que os profissionais de dermatologia e os pacientes mais desejam é que seus efeitos positivos sejam prolongados pelo maior tempo possível.

Você já conferiu sobre os principais fatores que interferem de forma negativa reduzindo a durabilidade do botox no organismo, então, para saber quais fatores podem prolongar a durabilidade da substância na pele, confira a seguir 5 Dicas básicas para estender os efeitos da toxina botulínica por mais tempo no organismo:

  • Use filtro solar próprio para o rosto e específico para o seu tipo de pele. O FPS deve ser de, no mínimo, 30.
  • Use óculos de sol, para evitar que você enrugue a pele ao redor dos olhos para tentar enxergar melhor;
  • A partir dos 30 anos de idade é necessário repor a perda de colágeno, que pode ser realizada de várias formas, como ingerir colágeno diariamente e aplicar bioestimuladores.
  • Identificar através de exames, se a quantidade de zinco no organismo está equilibrada. O controle do zinco no organismo contribui para prolongar os efeitos da toxina botulínica no corpo.
  • Mantenha hábitos saudáveis, com uma alimentação à base de produtos naturais, evitar o uso de cigarro, diminuir ou melhor ainda, evitar o consumo de açúcar, farinhas brancas e bebida alcoólica. Todos estes hábitos saudáveis, além de favorecerem o seu organismo como um todo, também contribuem com uma maior durabilidade dos efeitos do botox na sua pele.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Agende uma Avaliação!