Preenchimento para rejuvenescer

Para testar a eficácia do preenchimento facial à base de ácido hialurônico, a revista  Dermatologic Surgery publicou um estudo de um grupo de dermatologistas sobre preenchimento e rejuvenescimento. Dez mulheres entre 40 e 60 anos se submeteram a uma única sessão de preenchimento. Foram fotografadas no dia do tratamento e depois de algumas semanas. As fotografias de todas as pacientes foram misturadas e colocadas fora de ordem. Então, três outros dermatologistas, que nunca tinham visto as pacientes, receberam a pilha de fotos. Cada foto foi examinada por 30 segundos e o examinador dizia quantos anos a pessoa da foto aparentava ter. O resultado: as pessoas pareciam ter rejuvenescido, em média, entre 6 e 7 anos após o preenchimento. As informações são do Portal Veja.

O que é o preenchimento?

O preenchedor é um material injetado logo abaixo da pele. Ele aumenta o volume do local tratado, com efeito temporário ou definitivo, dependendo do produto usado. O procedimento é rápido, pouco dolorido e, quando realizado por médico bem treinado, é simples. O material mais usado no mundo para preenchimento é o gel de ácido hialurônico. É seguro, não causa alergia ou rejeição, não muda de lugar com o tempo e deixa um resultado natural.

Envelhecimento e mudança de volumes faciais

Conforme envelhecemos, a disposição de volumes do rosto vai mudando. Assim, uma pessoa jovem tem maçãs do rosto proeminentes, e é possível desenhar um triângulo imaginário unindo as duas maçãs do rosto e o queixo. Esse “triângulo da beleza” aponta para baixo: tem sua base na altura das maçãs e vértice no queixo. Com o passar do tempo, o triângulo se desfaz: há um reposicionamento da gordura, as maçãs do rosto ficam menos proeminentes, a mandíbula perde definição, o rosto murcha. A diminuição da gordura também faz surgir sulcos abaixo dos olhos, que muitas pessoas interpretam como aumento de olheiras ou olhos encovados.

O  lifting líquido

Alguns anos atrás o papel principal do preenchimento era aumentar o volume dos lábios e suavizar rugas evidentes, como o bigode chinês e as rugas que descem dos cantos da boca em direção à mandíbula. Com o tempo o procedimento amadureceu, e o foco passou também a ser a reposição do volume facial. Agora, o preenchimento pode ser feito nas maçãs do rosto, em olheiras, em sulcos abaixo dos olhos, até mesmo nas sobrancelhas e no queixo, se houver necessidade. Realizado de maneira dosada e com bom senso, consegue repor as perdas naturais de volume, dando uma aparência natural. Daí o nome lifting líquido (do inglês liquid face-lift), quando o preenchimento é capaz de restabelecer o “triângulo da beleza” que foi perdido com o tempo.

Quando é indicado?

Os resultados são mais suaves que os de uma plástica. Assim, os maiores beneficiados são pessoas com grau leve ou moderado de envelhecimento. O estudo mencionado no início, por exemplo, se restringiu a mulheres de 40 a 60 anos.

Para mais informações sobre o tratamento agende uma consulta na Clínica Felipe Meletti.

imgPreenchimento

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Agende uma Avaliação!